domingo, 20 de janeiro de 2019

O "Cavador" (Emilianas)



O "Cavador"


Havia no Rio, anos atrás, um jornalista de má fortuna, diretor de um periódico oportunista, que claudicava de uma perna, aleijada por uma inchação crônica, e que vivia, então, da exploração, mais ou menos inteligente, da vaidade alheia. Uma tarde, passava este homem de imprensa ou de negócios pela rua do Ouvidor, arrastando, tardo, a sua perna enferma, quando um íntimo de Emílio de Menezes lhe chamou a atenção.

— Admira - diz - como aquele homem, com tamanho defeito, seja tão "cavador"...

— Pois, a mim, não admira, - contrapôs o poeta.

E voltando-se para o companheiro:

— Ele não tem uma perna "inchada"?


---
Humberto de Campos: O Brasil anedótico, ano 1927.
Pesquisa e atualização ortográfica: Iba Mendes (2019)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, críticas e outras coisas...