sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

"Assentado" (Humor de Outrora)


ASSENTADO
— Ontem o meu cavalo aprontou-me uma daquelas, disse um sujeito ao amigo.
— Mas o que aconteceu?
— Saí a passeio e logo a poucos metros o cavalo deu um pinote... e eu assentado.
— Caramba!
— Depois deu outro pinote, o freio partiu-se... e eu assentado.
— Jesus!
— Deu ainda um terceiro pinote, a sela então foi parar a 20 metros de distância... e eu assentado.
— Ora, assentado?
 Sim, senhor, assentado bem no meio do chão, desde  o primeiro pinote.

Jornal “Correio do Sertão”, 1902.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, críticas e outras coisas...