sexta-feira, 5 de julho de 2019

Os sábios (Conto), de Brito Camacho



Os sábios
Como é que eles ainda não viram que em muitos indivíduos as circunvoluções do cérebro são apenas um prolongamento das circunvoluções do intestino?
Nem de outra forma teria explicação o fato de muitos indivíduos pensarem de uma forma quando têm fome, e pensarem de uma forma diversa, às vezes absolutamente contraria, quando têm a barriga cheia.
— Comer ou não comer, disse um filho natural de Shakespeare, eis a questão.
Reconheceu-se, com o andar dos tempos, que o apólogo do cônsul Agripa, se não estava errado, estava incompleto, e que a influência reciproca entre o cérebro e o estomago, expressa em números ou em grandezas, acusa o ascendente do estomago sobre o cérebro na grande maioria dos casos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, críticas e outras coisas...